WhatsApp vai permitir serviços de marcas dentro do aplicativo

6 Set , 2016 comunicação,Concorrência,Curiosidades,Marketing,Redes Sociais

whatsapp_aplicativo
Finalmente o WhatsApp vai começar a se transformar em um modelo de negócio do Facebook. A empresa anunciou nos últimos dias que dará início aos projetos de negócios para empresas no aplicativo. Além disso, a companhia planeja disponibilizar sua base, de mais de 1 bilhão de usuários, para o Facebook nos próximos meses. O que significa uma grande mudança em seus termos de serviço e em sua política de privacidade.
O aplicativo de mensagem instantânea vai oferecer às marcas serviços de informações aos usuários, como notificações de voo, recibos e rastreamentos de entregas. Entre os exemplos citados, a companhia afirma que o usuário poderá receber alertas sobre entrega de pedidos, informações do status de voo ou um recibo de um produto que comprou.
Outra forma de conectar marcas e usuários que está sendo avaliada é através de ações de marketing. Segundo o anúncio oficial do WhatsApp, as mensagens poderiam conter ofertas das empresas, mas com cuidado para não tornar-se algo invasivo. “Não queremos que o usuário tenha uma experiência de spam. Como acontece com todas as mensagens, o usuário poderá gerenciar essas comunicações”.
Quanto ao formato, a empresa ainda não revelou se as mensagens serão introduzidas por meio de “push” e se as marcas terão contas oficiais no aplicativo. O que já foi confirmado é que não haverá banners ou anúncios nos aplicativos.
Atualmente, o WhatsApp não possui receita, uma vez que não cobra pelo acesso dos usuários e também não exibe publicidade de terceiros dentro do aplicativo.
Leia Mais: http://digitaisdomarketing.com.br/whatsapp-vai-permitir-servicos-de-marcas-dentro-do-aplicativo/#ixzz4JTet8JHv

, , , ,


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Assine nossa newsletter